domingo, 7 de novembro de 2010

Efeito Loco Abreu



Era uma vez um dia de janeiro, daqueles bem do início do ano onde ainda não sabemos exatamente o que esperar da temporada. As especulações tomam conta do cenário. Muito se fala mas pouco se concretiza, fala-se de tudo. Cada possível nome gera uma reação da torcida e por vezes o imprevisível acontece. Depois de um belo dia de sol, ao chegar em casa da praia a notícia inusitada já correu a internet e já está postada no BotafogoNews, pelo grande amigo e criador Thiago Petra... 

"Botafogo acerta com o atacante uruguaio Loco Abreu"

A notícia foi recebida com extremo entusiasmo por parte da torcida. A maior referência do atacante era o gol salvador que havia colocado a seleção de seu país na Copa do Mundo 2010. Já era um bom cartão de entrada, mas não se sabia o que esperar daquele andarilho do futebol. Tratava-se de um nome que não havia sido especulado pela grande mídia. Surgiu como surpresa. Já chegou como ídolo. 

Quando foi divulgado o horário da chegada de Abreu, a disponibilidade de tempo naquele dia me fez rumar até o Galeão. Os botafoguenses iam aparecendo e, com meu celular n95 velho de guerra e uma conexão com a internet, fui registrando os fatos e postando fotos em tempo real. Pronto, nem site a nem site b nem ninguém. Representando o BotafogoNews no melhor estilo óculos escuros, chinelo e cervejinha na mão tive a primeira experiência jornalística de empurra-empurra de repórteres se estapiando por uma foto. Nesse dia eu perdi meu chinelo e não tirei as melhores fotos possíveis, mas era o único em tempo real passando a expectativa e a energia daquele momento decisivo para o Botafogo em 2010. Quando conto essa história para jornalistas esportivos, sinto um desdenho e falta de confiança em iniciativas genuinamente amadoras como a nossa. Porém, na mesma semana o Herrera também desembarcou. Agora de tênis e melhor posicionado na hora da porrada entre jornalistas, também fui o único registrando a chegada do jogador em tempo real. Aprender a fazer jornalismo esportivo no ritmo de guerrilha não é o mais difícil, difícil é entender o que é ser botafoguense. E juntando os dois, sim por vezes o autônomo pode desbancar os oficiais, mesmo sem o aparato tido como ideal.

Voltando ao Abreu, difícil também é um jogador chegar e se identificar tanto com um clube como Loco se identificou com o Botafogo. Quando atravessou o portão demonstoru uma timidez com aquela receptividade tão enérgica. Todas as testemunhas daquela chegada lembrarão orgulhosos por ter feito parte do início de uma relação fabulosa entre jogador/clube/torcida e todos ao redor. Por mais que os flamenguenses e os outros adversários tentem negar, todos sentem inveja do Botafogo quando vêem um novo feito de Loco Abreu ganhar espaços na tv e nas páginas de jornais. Alguns ainda tentam desmerecê-lo, mas como um mágico, ele sempre aparece com um novo trunfo na manga  e faz com que mais e mais adversários e fregueses se rendam ao carisma da lenda. O certo é que, cavadinhas e momentos marcantes a parte, Abreu já faz parte da nossa história e tem papel fundamental na mudança de postura do Botafogo em todos os âmbitos: elenco, clube, torcida.

E um dia contaremos aos nossos netos: um dia existiu uma lenda chamada Loco Abreu, que desembarcou no Rio de Janeiro após 3 vices perante o império do mal. Sua missão era resgatar o orgulho de um gigante adormecido. Como ele faria isso ninguém sabia, mas todos depositaram suas esperanças naquele andarilho que surgia... e a família alvinegra não se arrependeu. Quando nos demos por si, estavamos enfeitiçados pelo feiticeiro e cantavamos um cântico marcante "uh, aceita". O meliante já estava caído humilhado no chão e o nosso herói soltava uma gargalhada que será eterna. O mal foi vencido e a alegria voltou para General... e era apenas o dia 18 de Abril. O inesquecível 18 de Abreu.

Naquele mesmo ano....

André Santos é botafoguense, brahmeiro, multi-midiático e administrador do @BotafogoNews. Acreditou, empenhou-se, insistiu, insistiu, insistiu, acreditou mais um pouco e hoje leva humor e informação para quase 11 mil de alvinegros.  



6 comentários:

  1. Loco Abreu é a Cara do Botafogo

    http://pierrebarth.wordpress.com/2010/01/04/el-loco-abreu-e-a-cara-do-botafogo/

    ResponderExcluir
  2. Essa história muito bem contada ainda não acabou. Algo me diz que o texto acima será extendido.

    ResponderExcluir
  3. Até o dia 05/12 terás outras linhas para escrever...

    ResponderExcluir
  4. To be continued...

    Excelente texto. Parabéns!

    ResponderExcluir