quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

A Fusão - UM SÓ BOTAFOGO


Saudações Alvinegras!

Durante visita a Sede de Regatas do nosso Glorioso, tive a bela oportunidade de conhecer alguns feitos e relembrar outros. Vendo aquele belo mural de glórias que divide espaço com os barcos, mais uma vez pensei em quantos acontecimentos marcantes são desconhecidos para boa parte da nossa torcida. Por isso, resolvi falar sobre um dos episódios mais marcantes da história alvinegra: a fusão.

Comos muitos sabem, o Club de Regatas Botafogo nasceu em 1894 (01/07) e o Botafogo Football Club em 1904 (12/08). Mas muitos não sabem que os 2 Botafogos viveram paralelamente até 1942. Ou seja, as famílias alvinegras dividiam suas atenções entre 2 instituções com o mesmos nome, bairro e cores. Os dois clubes foram crescendo poliesportivamente e a fusão era o caminho natural, embora tenha demorado para ser efetuada. Tudo conspirava a favor, mas a união só veio a partir de uma tragédia.


No dia 12 de junho de 1942, o Club de Regatas Botafogo e o Botafogo Football Club disputavam a final do Campeonato Carioca de Basquete. Quando a partida estava 23 a 21 para o Football Club, o defensor do F.C. Armando Albano sofreu um ataque fulminante que lamentavelmente resultou em sua morte.

O jogo foi suspenso e a fatalidade uniu os 2 Botafogos. Em homenagem póstuma, ficou decidido que o restante do jogo não seria disputado. A lamentável morte de Albano teve influência decisiva para que a fusão se tornasse apenas questão de tempo. A tragédia serviu como propulsão e em 08 de dezembro de 1942 a união foi concretizada: o CRB da "Estrela Solitária" e o "Glorioso" BFC passaram a ser um só. UM SÓ BOTAFOGO.

Amém.

O texto em questão foi escrito originalmente para o extinto Tribuna Alvinegra, primeiro Blog da galera do BotafogoNews, no longínquo 18/06/2009... na época eram apenas dois no comando (eu e o criador Thiago Petra) e uma dúzia de seguidores. A dúzia virou uma dúzia de milhares mas o sentimento  e o propósito continuam sempre os mesmos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário